Reunião entre secretário da Saúde e o Legislativo de Araucária

por cma — publicado 29/05/2017 16h51, última modificação 29/05/2017 16h51
Reunião entre secretário da Saúde e o Legislativo de Araucária

Reunião entre secretário da Saúde e o Legislativo de Araucária

Reunião entre secretário da Saúde e o Legislativo de Araucária.

Avanço da Farmácia Popular em Araucária:
Em encontro realizado na manhã desta quinta-feira (25), na Câmara de Vereadores, o Legislativo se reuniu com o secretário de Saúde, Carlos Alberto de Andrade e o Diretor da Assistência Farmacêutica, André Luiz Cândido da Silva, para demonstração das atividades e melhorias de incentivo à assistência farmacêutica básica em nosso município.
Na ocasião, o diretor Luiz Cândido fez uma apresentação aos parlamentares, contendo um relatório técnico referente ao funcionamento do Programa Farmácia Popular, com o objetivo de demonstrar e desenvolver ações relacionadas a promoção do acesso da população aos medicamentos essenciais quanto ao uso prudente à aquisição destes.
Uma das ações de promoção e benefícios à população é que a partir de 1 de junho, esses medicamentos passarão a ser distribuídos gratuitamente nas unidades básicas de saúde, além de continuarem sendo disponibilizados com desconto ou distribuídos nas farmácias privadas da rede: “Aqui tem Farmácia Popular”
A Farmácia Popular é um Programa do Governo Federal que visa ampliar o acesso da população aos medicamentos para as doenças mais comuns entre os cidadãos. O Programa dispõe de duas modalidades: uma Rede Própria de Farmácias e a parceria com farmácias e drogarias da rede privada, que chama-se: “Aqui tem Farmácia Popular”. Alguns medicamentos são disponibilizados sem custo, como para o tratamento de hipertensão, diabetes, asma, rinite, dislipidemia, doença de Parkinson, osteoporose, glaucoma, contraceptivos e fraldas geriátricas.
A Farmácia Popular disponibiliza em torno de 289 itens de medicamentos, além de 91 itens para atender demandas via processo (Farmácia Especial), e 189 itens fornecidos através da Farmácia Central, favorecendo o acesso aos usuários que antes precisavam se deslocar até Curitiba para retirá-los. Hoje, o estabelecimento realiza cerca de 35 atendimentos de venda por dia, um número irrisório, se comparado às Unidades de Saúde Municipal de Araucária, que atende em média 200 a 400 usuários/dia.
Segundo o secretário, com a descentralização dessas medicações para as Unidades Básicas de Saúde, teremos a otimização do serviço, pois os medicamentos não serão vendidos como funciona na Farmácia Popular, eles serão dispensados gratuitamente, além do abastecimento contínuo que continuará sendo feito à Farmácia Popular Central.
O presidente da Casa, Ben Hur Custódio, ressaltou a importância do levantamento técnico que está sendo desenvolvido nesta nova gestão, propiciando assim, maior resultado no trabalho desenvolvido pela secretaria de Saúde.
Os vereadores manifestaram apoio e fizeram sugestões construtivas para o funcionamento da Farmácia Popular. Uma alternativa, é que fosse elaborado um edital contendo os nomes dos medicamentos disponíveis para fixá-lo na farmácia, havendo maior agilidade dos pacientes quanto ao atendimento na compra e retirada destes.
O secretário de Saúde finalizou a reunião com uma explanação geral sobre a saúde do nosso município e sobre os trabalhos que ainda serão desenvolvidos, todos com o intuito de atender melhor à população. Segundo ele, “De fato, a saúde é uma das secretarias mais sensíveis de uma cidade e, os problemas ainda não estão resolvidos, mas que há passos para resolver o que for possível já neste primeiro momento”.

error while rendering plone.comments